Dicas e Defeitos

MOTOR DE PARTIDA:

Motor de partida ou “arranque” são os nomes de uma mesma peça, ele é responsável em fazer o motor do seu carro girar para entrar em funcionamento. É considerada uma das maiores invenções automobilísticas de todos os tempos. Revolucionou o mercado e é basicamente o mesmo conjunto de peças até hoje, dada a sua importancia no veiculo. 

Veja a abaixo alguns defeitos mais comuns de um Motor de Partida:

1 – Porta escovas: Feitas de um carbono macio e condutor e ficam seguras em um suporte na altura do coletor que fica no induzido. É o defeito mais comum. elas se gastam com o tempo e o motor parece girar “pesado” ou sequer gira. Sem nenhum outro sintoma aparente, escovas baixas é a primeira possibilidade de defeito para um eletricista.

2 -Automático de partida, solenoide ou “chave magnética”. É a peça que aciona o bendix do Motor de Partida fazendo com que o mesmo vá de encontro ao volante do motor. O sintoma de defeito mais comum do automático é um “TEC” alto vindo do motor e nada mais acontece.

3 -Bendix ou Impulsor de Partida: Fica na dianteira do Motor de Partida e se encarrega de rodar o motor engrenando-se na cremalheira ou volante do motor .O sintoma clássico é “patinar” onde o mesmo não tem força para virar o volante do motor.

4 –Induzido: Peça central do Motor de Partida que faz o mesmo girar. Os sintomas são parecidos com os de escova baixa. Mas, no caso do induzido não só o tempo considerado o   responsável pelo seu desgaste. 
 O mesmo por mal uso ou uso excessivo pode ocasionar o seu aquecimento e uma possível queima.


ALTERNADOR:

Alternador é o responsável em manter a parte elétrica, através da energia mecânica do giro do motor através da correia ele assume o papel de carregar a bateria e também suprir as demais necessidades elétricas que demandam do consumo do carro.

Veja abaixo alguns defeitos mais comuns de um Alternador:

1 - Regulador de Voltagem: Tem como função regular a voltagem do alternador de maneira  a manter o mesmo com a voltagem de 14V. É a peça mais propicia a dar defeito no alternador, seu principal sintoma é carregar em excesso.

2- Placa de diodos ou Ponte Retificadora: Tem a função de excitar o alternador através da lâmpada e também protege o alternador em caso de possíveis defeitos. Seu principal sintoma é a luz acesa e o alternador não carregar.

3 - Rotor: Peça central do Alternador que tem como função gerar campo e energia junto ao estator. Seu principal defeito é impedir a  passagem e interromper a indução pelo anel.

4 - Estator ou Coroa do Alternador: Junto com o Rotor mantém o campo do alternador e seu funcionamento e influi drasticamente na amperagem do alternador. Um dos sintomas mais comuns é o superaquecimento e a queima por carregar em excesso ou de maneira demasiada